Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Musica

Para os fãs do Punk Rock

Se o Punk Rock teve um berço pode ser que seja o CBGB. Uma casa de música nova-iorquina que foi aberta em 1973 e fechada em 2006. Exite um filme sobre ela que apesar de controverso é uma boa opção [...]

Uma boa dica para os admiradores do Punk Rock  e das bandas do gênero é um filme que foi lançado em 2013 chamado “CBGB – O berço do Punk Rock”.  O filme uma referencia a casa de shows, ou um clube de música, nova iorquina “Country, Bluegrass, and Blues and Other Music For Uplifting Gormandizers”, (numa tradução livre: Country, Bluegrass e Blues e outras músicas para levantar gulosos), por onde passaram bandas como: Ramones, Blondie, The Police e Talking Heades.

 CBGB – O berço do Punk Rock

Apesar de ficar mais conhecida por abrigar bandas de Punk Rock nos anos 70 e 80, em seu início fez jus ao nome tocando  Country e Blues , conforme o gosto do público que ali frequentava.

CBGB  berço do punk rock - fachada

Imagem:Wikimedia.org

Aberta em 1973 e fechada em 2006, a casa era dirigida por Hilly Kristal que teria sido como um pai para várias bandas que ainda buscavam um repertório e uma identidade. E é conforme o olhar dele que se  preparou  o roteiro do filme.

Seguindo este caminho, o fim da casa CBGB ocorreu em 2006 por problemas financeiros. Pelo que consta Kristal prometia pagar mais do que devia como cachê às bandas. Tinha também o costume de oferecer bebidas grátis para os presentes. Segundo o roteiro seu objetivo não era ficar rico mas dar oportunidade as bandas iniciantes. Teve momentos que o dinheiro arrecadado não era suficiente para pagar o caro aluguel do prédio onde estava o CBGB.

Ainda dentro do enredo do filme, quando as bandas assinavam contratos com as gravadoras ele não se aproveitava disso para ganhar dinheiro.

O filme se tornou polêmico ao relatar um único ponto de vista, o de Kristal. Houve discordâncias  sobre os valores dos cachês e sobre as rodadas de bebidas grátis. Algumas bandas não autorizaram o uso de suas musicas na trilha do filme, até que vissem o resultado das gravações.

Ator que intepreta Hilly Kristal dono de casa que tocava punk rock

Alan Rickman

O sucesso do filme não veio, apesar de ter agradado aos fãs do Punk Rock. As críticas quanto a qualidade do filme foram duras. O”CBGB faz um trabalho cruel e horrível ao tentar fazer justiça ao clube nova-iorquino. Nem Alan Rickman é capaz de injetar alguma vida no papel do fundador Hilly Kristal” (Revista, ‘Rolling stone’)

Mesmo assim o filme é uma boa opção para os fãs do rock. Dá para conhecer um pouco da sua história. Ainda mais envolvendo nomes de bandas tão famosas. Mesmo sendo seu roteiro muito criticado, vale a pena conferir o filme.

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

    Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
    entre em contato com o suporte.