Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Fatos Musica

Janis Joplin aventuras e desventuras

Janis Joplin uma cantora que marcou muito os anos 60 e a musica anos 70 ficou eternizada por sua voz única, esteve no Brasil no mesmo ano em que morreu. Saiba como foi a visita dela ao Rio de Janeiro [...]

Falar de ” musica anos 70 ” é muito bom. Até porque não é difícil encontrar nomes de cantores e  cantoras que marcaram a época.  Janis Joplin é com certeza uma das vozes desta geração.

Nascida em 1943, Janis ficou conhecida como “Rainha do Rock nos anos 60“. Ela fez de sua voz sua marca registrada. Fez sucesso nos anos 60 como vocalista da banda Big Brother and the Holding Company sob grande influência de astros do Jazz e Blues.

Tornou-se, já em carreira solo, ícone da rebeldia e dos ideais de uma geração que abominava a violência, os hippies.  Apesar de ter em sua carreira apenas três LP’s sendo um deles póstumo e ter morrido bem no início dos anos 70, tenho bons motivos para falar de Janis Joplin.

Janis Joplin e as musicas anos 70

Frase: “Meu negócio é aproveitar e me divertir. E por que não, se no fim tudo vai acabar mesmo?”

Primeiro, ela foi um talento. Claro! Isso é fácil de se dizer e comprovar. Além disso ela tinha um comportamento tão autêntico quanto sua voz. Vou falar um pouco de suas extravagâncias.

Janis Joplin no Brasil

Bem, o que muitas pessoas que gostam de musicas anos 70, não sabem é que Janis Joplin esteve no Brasil. Foi em 1970 durante as festividades do Carnaval. Ai começa a ficar interessante a história. Claro que  que ela se encantou com a festa e com a cidade do Rio de Janeiro. Mas como já disse seu comportamento era ímpar. Janis conseguiu ser expulsa do Copacabana Palace, por nadar nua na piscina do hotel. Além de fazer topless na praia.

Vista de Janis segundo a Revista Veja

Ficou registrado na revista Veja de 25 de fevereiro de 1970, edição n.º 77, a passagem dela pela cidade maravilhosa. Na página 76, sob o título “A estranha Janis” foi narrada a repercussão de sua estada por aqui. A”Mais famosa cantora moderna dos EUA, no Rio ela foi apenas uma turista desconhecida e agitada”(segundo a Veja).

Todo o sucesso nos EUA não refletiu aqui. Lembrando que ela foi um sucesso danado no festival Woodstock em 1969. Mesmo assim ela passava desapercebida pelas ruas, só era reconhecida por raros fãs.

Um fato curioso ocorreu quando ela tentou assistir de camarote o desfile das escolas de samba e foi barrada por desconfiarem dela por conta das roupas que usava (roupas hippies). Dizem que ele ficou uma fera.

Infelizmente Janis vinha a um bom tempo fazendo uso de drogas como maconha, heroína e LSD, além de muito álcool. Uma combinação fatal que a levaria a morte, no mesmo ano em que nos visitou, no dia 4 de outubro. A história se repetia de forma trágica, mais uma estrela morria em decorrência do uso de drogas.

Espero que tenham gostado. Abraços!

Janis Joplin aventuras e desventuras
5 (100%) 1 vote

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

6 Comentários

  1. Maria Nienhaus disse:

    Nao a conheco, sou de 65, mas gostei da historia.
    Muito louca e ousada pra epoca, ela sabia que nao viveria muito.

  2. Gabriele Araújo disse:

    Fantástica cantora. Suas músicas são maravilhosas e com uma sonoridade profunda.
    Muito boa a história.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.