Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir

Você fala gíria? Ou pelo menos falava? Bem, se você nasceu antes da década de 70, assim como eu, provavelmente já falou e não fala mais. Acredite nossas gírias antigas hoje fazem mais graça que sentido.

Sério isso!

Mas acredite isso é normal. Cada época tem sua própria forma de se expressar. Cada época tem seus símbolos, musica,arte, dança…

Enfim vários ou várias características que ao serem revistas remetem àquela época. Uma delas, a que irei relatar, é justamente uma das que menos nos atemos, as gírias antigas.

Neste texto você encontrará:

  • Gírias antigas: o tempo muda tudo;
  • Afinal o que é gíria?;
  • Gírias anos 70;
  • Gírias anos 80.

Além destes quatro tópicos uma tabela repleta de gírias antigas e seus significados. Espero que gostem.

Gírias antigas: o tempo muda tudo

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

Com o passar do tempo ocorreram mudanças em tudo ou quase tudo, do cabelo as roupas, do gosto musical a forma de cortejar uma garota. A forma de falar e expressar do jovem evoluiu. As gírias que se ouvia tanto antes, hoje não são entendidas.

Pode parecer triste, mas não é!

Mas isso é uma prova de que a língua portuguesa está mais viva do que nunca. E que sempre estão surgindo novas palavras para expressar, sentimentos, nominar novos objetos, e assim por diante.

Afinal, o que é gíria?

Lembrando que,  gíria é um vocabulário especialmente criado por um determinado grupo ou categoria social, com o objetivo de servir de distinção do resto da sociedade.

Excluindo assim os indivíduos externos a esse grupo, uma vez que costuma resultar numa linguagem não usual aos demais. As Gírias do passado tinham também a característica de identificação de grupos de jovens.

Abaixo temos uma tabela gentilmente nos cedida para compartilhamento, pelo Portal Só Português, que aliás vale a pena uma visita. Na tabela temos algumas gírias antigas e seu significado.

Logo abaixo vamos mergulhar mais fundo em gírias dos anos 70 e 80.

Tabela de palavras do antigas

Gíria Significado
À beça Pra caramba
Bacana Bom, bonito
Barato Excelente
Barra limpa Fora de perigo
Batuta Algo ou alguém legal
Beca Roupa elegante
Bicho Amigo
Boa pinta Pessoa de boa aparência
Bode Confusão
Borocoxô Tristinho
Botar pra quebrar Causar, acontecer
Broto Mulher jovem e atraente
Bulhufas Absolutamente nada
Cafona Fora de moda
Carango Carro
Careta Pessoa conservadora
Chapa Amigo
Chato de galocha Pessoa muito irritante
Chocante Legal
Dançou! Perdeu!
Dar no pé Ir embora
De lascar Situação complicada, difícil
Do arco da velha Algo antiquado
Dondoca Mulher da alta sociedade
É fogo! É difícil!
Estourar a boca do balão Arrasar, extrapolar
Fichinha Algo fácil
Gamado Apaixonado
Grilado Preocupado
Ir na onda Acompanhar
Joia Legal
Pão Homem bonito
Patavinas Absolutamente nada
Patota Turma, galera
Pé de valsa Indivíduo que dança bem
Pega leve! Devagar!
Pindaíba Sem dinheiro
Pintar Aparecer
Pode crer! Acredite!
Pombas! Expressão que denota surpresa ou indignação
Pra frente Moderno
Quadrado Conservador
Sacou? Entendeu?
Serelepe Alegre
Supimpa pra dedéu Algo muito legal
Transado Com visual bonito, moderno
Traquinas Criança aprontona
Tutu Dinheiro
Um estouro! Algo grandioso
Xuxu beleza! Tudo bem!

Gírias nos anos 70

É fato que os anos 70 são muito conhecidos como a era da pacificação, do flower power, o psicodelismo e as discotecas alucinantes. Além, é claro do mundo conhecer a guerra do Vietnã. Mas esse não é nosso assunto agora.

A partir deste período de liberação política e cultural, todas as gírias acabaram proliferando e muitas delas foram totalmente incorporadas a devida linguagem do dia a dia, estas que são faladas até mesmo nos dias de hoje.

Incrível isso!

Outras acabaram caindo ao desuso, e dificilmente são devidamente reconhecidos por gerações mais novas.

Se você se utiliza de gírias como por exemplo  “à beça” E “pra chuchu” algumas das gírias você conhece. Por isso ireos logo abaixo citar alguns dos termos mais divertidos utilizados dos anos 70.

Confiram algumas gírias exclusivamente  dos anos 70

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

Gírias nos anos 80

São muitas as pessoas que consideram a década de 80 como uma verdadeira efervescência cultural e musical.

E até hoje inclusive são realizadas muitas festas temáticas que lembram tudo o que há de melhor e que foi produzido ao longo daqueles anos. Como herança daqueles tempos, as gírias dos anos 80 ainda podem ser ouvidas por ai.

Quem era jovem nos anos 80 gosta muito de lembrar de músicas diversificadas, programas de televisão, minisséries,  rock nacional, filmes que até hoje fazem sucesso, das roupas e sapatos que não existem mais. Enfim, tudo o que pode remeter a década.

Mas e quanto as gírias daquela época?

Eram expressões diferenciadas e informais que caíam na boca dos jovens e todo mundo procurava colocar uma gíria no meio da conversa.

Algumas das expressões acabariam desaparecendo já que acabaram caindo em desuso, porém a grande maioria das pessoas permanecem hoje e ainda são incorporadas ao linguajar de quem está acima dos 30 anos de idade.

Você deve ter ouvido que uma pessoa é “careta”, e que fulano(a) está muito “gamado(a)” por aquela garota ou garota, ou ainda que você está com um devido “grilo” na cabeça.

Ou ainda quem sabe, que aquele seu amigo “virou a casaca”. Que seu chefe é um “mala” e seu colega de trabalho é um “baba ovo”. Todas estas gírias são dos anos 80.

Sabia?

Conheça logo abaixo algumas gírias dos anos 80.

É a hora de relembrar algumas das gírias que fizeram parte os anos 80.

Veja as principais gírias dos anos 80 e os seus devidos e interessantes significados:

1) Quando você fazia algo bacana ou se arrumava bem para uma festa seus colegas diziam que você ia:

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

2) Uma situação, um acontecimento ou ainda algo que seja estrondoso, muito bom mesmo. Se dizia:

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

3) Para definir alguma coisa, ou ainda algum assunto que estava sendo tratado naquele momento era comum se usar:

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

Exemplo: “essa bagaça não ta me cheirando nada bem”

4) A expressão era usada também nos anos 70 e continuou durante um período nos anos 80. O Carro se chamava:

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

5) Nada a ver com o remédio. Mas, quando você via aquele seu colega que só dava “bola fora”, ou era um chato mesmo, você falava, “Lavem aquele”:

 Gírias antigas: O importante para você entender, falar e se divertir Curiosidades

Muito bacana mesmo falar de gírias. Cada uma em sua época e com seus significados.

Espero não ter dado “Bola fora” neste post. E que você tenha “curtido pacas” essas lembranças.

Caso tenha alguma gíria antiga que você gostava de falar, deixe nos comentários. Claro que vou incluir aqui, “Mora?”

“Valeu!”

Conte aos amigos sobre esse post!

Publicidade

Você pode gostar também

Sobre o autor: Eli Braz

Olá me chamo Eli e nasci nos anos 70. Curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar e compartilhar os bons momentos e fatos que marcaram época. Espero ser útil a todos com minha pesquisa e escrita.

8 Comentários

  1. Oi, lendo as gírias e lembrando dos meus tempos de adolescencia. Havia uma expressão na minha terra muito falada no final dos anos 70 que era assim: ‘Deixaram a porta do céu aberta!’ que significava dizer que a pessoa era muito bonita. Não vejo essa expressão em nenhum dicionário sobre esse assunto. Fica aí a minha dica.

  2. Imagina! Além de gostar desses tempos idos, sou professora de duas turmas do 4° ano e vamos fazer um trabalho sobre a década de 70 com os alunos. Seu blog vai me ajudar muito. Só tenho o que agradecer. Muito obrigada!

  3. Que blog lindo! Nasci em 92 mas sou apaixonada demais pelas décadas anteriores. Queria ter vivido esses tempos mais simples. É bom ler a respeito e viajar no tempo. Continuem, por favor! É o maior barato! 😀

    1. Nossa ganhei o dia com seu comentário Mariane, o blog é nosso! independente da idade. O legal é o encontro de gerações.
      Faça sempre assim a casa é nossa. Aproveite e chame os amigos. Rsrs audiência é sempre bom

  4. Adoooooooro tudo o que vcs publicam. Fui uma adolescente carioca nos anos 70, vivi intensamente esses anos. Ipanema, Gávea e Leblon eram “minhas praias” literalmente. Por isso curto muito esse blog. Parabéns, sempre

    1. Leila você não sabe como é bom receber um comentário assim. Para nós é um prazer trabalhar com assuntos da década de 70. Valeu demais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares