Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Fatos

Ditadura militar no Chile

Fatos Pré ditadura militar no Chile

A ditadura militar no Chile marcou um dos períodos mais sangrentos deste pais e da América Latina. O Golpe militar chileno comandado pelo General Pinochet e apoiado pelos ultra direitistas e os EUA aconteceu em 11 de setembro de 1973, merece ser analisado e estudado. Este post aborda alguns aspectos destes fatos lamentáveis. Vejamos a sequência de fatos que culminaram no golpe.

Chegada de Allende ao poder

Ditadura militar no ChileO Chile vinha de uma longa tradição de governo democrático parlamentar (1830-1973), caraterizada por uma aliança de classes sociais sob o domínio da burguesia elitista.  O que mudaria em 1970 com a eleição de um presidente assumidamente marxista.

Seria Salvador Allende o primeiro presidente eleito pela unidade popular a governar o Chile? Os fatos e suas convicções políticas foram cruciais para que não terminasse seu mandato.

O país passava por uma grave crise econômica neste período. O setor produtivo passava seu pior momento e isso colocava claramente a classe dominante contra as idéias socialistas propostas por Salvador Allende, que seriam a mudança dos modelos existentes o que levaria a uma melhor distribuição de renda entre as classes sociais.

Acredito que esse foi o ponto impulsionador do Golpe. Allende não conseguiu unificar o país dentro do que uma concepção marxista de governo. Houve literalmente um racha nas estruturas de governo o que fez com que ele não conseguisse implementar muitos de seus projetos sociais. Uma das únicas medidas implantadas por ele foi assegurar meio litro de leite por dia a crianças de 0 a 8 anos de idade.

Constituição do Estado pós eleições 1970

Pouco tempo depois de eleito Allente falava com orgulho do ambiente democrático e das instituições fortes e observantes do regime democrático que existiam no país. Citando inclusive os militares que apoiavam e obedeciam o que a constituição determinava.

Mas essa ideia não iria durar. Com o agravamento da crise certos itens básicos começavam a faltar nas casa das famílias mais humildes, começando então a prática de conseguir alimentos e utensílios por via do mercado negro. Mercado esse alimentado pelos EUA.

Golpe militar no Chile e o apoio dos EUA

Dando continuidade é importante saber o papel dos EUA foi decisivo para que acontecesse o golpe militar no Chile. Preocupado com a assunção de um presidente socialista no Chile o então Presidente norte americano Richard Nixon impôs um boicote informal à economia Chilena que era dependente direta da importação de produtos (principalmente americanos).

Esse quadro caótico foi o estopim para que as classes média e alta, juntamente com oficiais das forças armadas iniciassem o movimento que levaria ao fim do governo socialista e à ditadura militar no Chile. Sendo iniciado na ocasião com um quadro de desobediência civil e paralisações de órgãos vitais a economia financiadas pelos EUA.

Numa tentativa de reverter o quadro o presidente chileno tentou unificar os opositores num gabinete cívico militar, visando o apoio das forças armadas. Mas isso não foi o suficiente.

A primeira tentativa de golpe aconteceu em 29 de julho de 1973 e só não prosperou porque não estava bem articulada. Allende com o apoio do ultimo dos militares legalistas, o General Prats, conseguiu conter esse foco de golpe.

Mas dentro das forças armadas iniciou-se um movimento para a derrubada do General Prats que ao final levou a renúncia do comandante. Isso abriu caminho para a promoção e nomeação do General Augusto Pinochet para a função de chefe das Forças Amadas Chilenas. Mal sabia o presidente que ele viria ser o chefe da ditadura militar no Chile.

Ditadura militar no Chile

No dia 11 de setembro de 1973 a capital financeira do Chile – Santiago, amanheceu com o barulho de aviões e tanques das forças armadas que  cercaram o palácio do governo. Estava decretado o golpe militar do Chile.

Ditadura militar no Chile

O General Pinochet chegou a ligar para Allende lhe propondo sua saída do pais. Mas ouviu do presidente que só sairia do Palácio Moneda morto. Momentos depois o palácio foi bombardeado e invadido. Na ação dos militares o presidente foi morto, em circunstâncias obscuras. Suicídio ou homicídio?

Por quase 17 anos (1973-1990) o Chile foi governado com mão de ferro. Várias pessoas foram mortas, presas ou torturadas durante a ditadura militar no Chile.

O fim da ditadura militar no Chile começou a ser construída com o posicionamento de diversos órgãos internacionais contrários a forma com que Pinochet conduzia o país. Somava-se a isso a crescente insatisfação da população já cansada da mão de ferro com que eram governados.

Em 1988, um plebiscito realizado decidiu pelo fim da ditadura. No ano seguinte ocorreram eleições diretas para escolher o novo presidente. Assim em 1990 tomou posse o presidente eleito Patricio Aylwin, finalizando esse longo período de ditadura no Chile.

Você pode gostar também:

Judiciário nos anos 70

Eleições nos anos 70

Movimentos pelos direitos civis nos anos 70

Ensino Superior nos anos 70

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários

    Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
    entre em contato com o suporte.