Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Curiosidades

Como eram os tabus dos anos 70

Tabu é uma palavra de origem polinésia e tem relação com algo proibido por motivos religiosos ou supersticiosos (uma maldição), sociais ou morais. Para sabermos como eram os tabus dos anos 70, tivemos que vasculhar a história e nossa memória. Vejam o que relembramos.

Todas as sociedades têm seus tabus, sendo que muitos são comuns (por exemplo, incesto).

Como eram os tabus dos anos 70 no Brasil

O Brasil, na década de 1970, sob a governança da ditadura militar (que também impunha sua moral), possuía vários tabus que, com o passar do tempo, foram caindo. Vamos conhecer alguns deles.

Sexo, amor e casamento

Tabus dos anos 70

Os tabus mais óbvios são os que se referem aos relacionamentos amorosos e à liberdade sexual. As revistas eróticas (as populares “revistas de mulher pelada”) não mostravam os pelos pubianos das mulheres que posavam para elas, no máximo mostravam os seios. Relações sexuais, então, nem pensar!

A única possibilidade de ver isso era em alguma revista importada que entrasse no país “por debaixo dos panos” (as igualmente populares “revistinhas suecas”).

Os filmes seguiam as linhas das revistas, principalmente as chamadas “pornochanchadas”, gênero que teve seu auge nessa época. Somente no final da década, com a abertura política, essas proibições caíram.

Nos chamados países do primeiro mundo, sexo antes do casamento já não era tabu há muito tempo, assim como um casal viver junto sem estar legalmente casado. No Brasil dos anos 70, para “juntar os trapos”, somente sendo casados no civil e na igreja.

Casamentos inter-raciais eram mal vistos. Casamento entre homossexuais (masculinos e femininos) era algo que nem se cogitava. Não havia divórcio, somente desquite; e o amor livre era tido como uma imoralidade.

Drogas e política

Como eram os tabus dos anos 70

Drogas são um tabu que continua até hoje, mas na década de 70 era pior. Legalização da maconha era considerado um absurdo e um assunto totalmente proibido. Ainda hoje o assunto gera discução. É um tabu, questão de polícia ou de saúde pública ?

No Brasil da ditadura militar, onde vigorava o AI-5, ser de esquerda era correr risco de vida, pois era grande a possibilidade de um esquerdista ou um opositor ser preso, torturado e morto – ou desaparecer – era muito grande.

Como eram os tabus dos anos 70

Havia a crença de que “comunista assa e come criancinhas”. Um tabu que persiste até os dias de hoje, em pleno século XXI, de tecnologia digital, computadores, Smartphone, tablets e internet.

Por falar em alimentação tínhamos alguns tabus que não se perderam até nossos dias. Por exemplo, comer manga e beber leite… São costumes que vem de muito longe no tempo e que foram passados de pai pra filho. São geralmente dados que não tem comprovação científica mas que mantemos vivos.

Vai que… E melhor evitar!

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.