Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Curiosidades

Brincadeiras dos anos 70 e 80

Os nossos brinquedos certamente são uma das coisas que ficaram fortemente marcados na nossa memória, e principalmente em brincadeiras de infância. Por este motivo desta vez iremos dar uma atenção especial a mais para as brincadeiras dos anos 70 e 80. Foram elas que fizeram nossos dias mais felizes e por isso merecem ser relembradas.

Conheça algumas das brincadeiras dos anos 70 e 80.

As coisas antigamente não eram tão voltadas para a tecnologia, e as cidades inclusive eram mais seguras, e as crianças brincavam nas ruas, nos parques, colégios. Bastava apenas se ter um grupo de crianças e um elástico ou um anel ou um barbante que a brincadeira estava garantida.

O bom e velho pega- pega era uma brincadeira muito simples, onde quem possui um papel principal é o pique, um lugar mágico que torna qualquer pessoa imune ao pegador.

Brincadeiras dos anos 70 e 80

As meninas por sua vez brincavam de passa anel, e ficavam todas sentadas em uma roda e alguém tinha um anel dentro de suas mãos fechadas, como conchas e iam passando as mãos dentro de todas as mãos do pessoal que estava sentado, e de repente largava o anel de forma aleatória nas mãos de alguém.

Contando com um simples barbante, era possível jogar cama de gato, o que era um jogo que se tirava um barbante da mão do outro, e figuras geométricas iam então se formando.

Com um papel e canta, era possível brincar de stop, onde todos tinham uma letra escolhida, e era necessário escrever nome, objeto, cep, carro, fruta, tudo com esta cor, quem terminasse primeiro tinha um número x de pontos.

Além disto, furando duas latinhas e passando um barbante ligando uma a outra era possível construir um telefone, um deles que ficava em cima da árvore e o outro embaixo conversando através de algumas latinhas.

Outra brincadeira muito divertida era brincar de faroeste com um revólver de espoleta, tinha o de seis e o de doze tiros, e até existia inclusive um que fazia o barulho de ricochete de balas.

Rouba bandeiras geralmente se jogava na praia para não machucar quando se caía, e normalmente a bandeira era um chinelo, uma camisa ou mesmo um pedaço de pau, porque a bandeira mesmo era bem raro quem tinha.

E ai faltou alguma brincadeira?

 

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários

    Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
    entre em contato com o suporte.