Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

cinema

Anos 80, não durma o Freddy vem ai

O Freddy vai pegar você… (anos 80)

Vocês conhecem o Freddy Krueger? Não? Bem aqueles que foram adolescentes nos anos 80 certamente sim. Seria injusto fazer um post sobre filmes de terror dos anos 80 sem dedicar espaço ao clássico “A hora do pesadelo”. Ao grande personagem Freddy para ser mais exato. A vocês amigos que estão visitando o blog, boa leitura e bons sonhos.

anos 80 Freddy KruegerFreddy Krueger é um personagem fictício da série de filmes de terror “A Nightmare on Elm Street” (no Brasil, A Hora do Pesadelo; em Portugal, Pesadelo em Elm Street). Freddy é um assassino de crianças da fictícia Springwood, Ohio, que após ser queimado por pais vingativos passa a atacar adolescentes em seus sonhos, matando-as no mundo real. O fato de ter o poder de controlar os sonhos das pessoas e matá-las durante o sono, valeu-lhe as alcunhas de “Lorde dos Pesadelos” e “Senhor dos Sonhos”. Robert Englund foi o intérprete original de Freddy, participando de oito filmes. Em um remake do filme original lançado em 2010, Freddy é interpretado por Jackie Earle Haley.

 Origem

Frederick Charles Krueger, nascido em Springwood, Ohio em 3 de Novembro de 1938, é fruto de um estupro coletivo ocorrido num velho manicômio da Rua Elm, quando a freira Amanda Krueger foi trancada junto com cem internos por dias. Durante toda a sua vida, ele foi capaz de se lembrar dos gritos de sua mãe. Amanda imediatamente pôs o filho para adoção, e alguns anos depois, Freddy foi adotado por um velho alcoviteiro, Sr. Underwood, que viu utilidade no menino como atração de bêbados curiosos na pequena e imunda rua, repleta de prostitutas e drogados. O jovem apanhava constantemente do padrasto, que o maltratava, o espancnado constantemente. Após uma surra, em que quase foi morto, o jovem Freddy matou Underwood com uma lâmina – a mesma que Freddy usava para se cortar, devido ao abuso do padrasto e colegas. Trágico não?

Freddy começou a trabalhar em uma fábrica, casou-se e teve uma filha. Porém ao mesmo tempo começa a matar crianças, usando um carrinho de sorvete para atraí-las e mais tarde matá-las na sala da caldeira onde trabalha. Em 1966, sua esposa Loretta descobriu instrumentos de tortura no porão de casa (o principal sendo uma luva com lâminas afiadas nos dedos), e viu que seu marido era o “retalhador de Springwood”. Freddy estrangulou-a em frente à filha Katherine. A filha delatou-o para as autoridades e Freddy foi preso, mas acabou sendo solto por não terem assinado um mandado de busca.

Os moradores furiosos, conduzidos pelo tenente Thompson e sua esposa Marge, haviam decidido se vingar do cruel assassino. Os Thompsons e os vizinhos colocaram gasolina no local onde Freddy passava suas noites e colocaram fogo. No momento em que estava sendo queimado, Freddy invocou os demônios dos sonhos, três cobras voadoras que tem o poder de tornar real os pesadelos das vítimas. Freddy pediu imortalidade. Em troca iria ser o maior assassino dos pesadelos.

Freddy anos 80Freddy é conhecido pelas frases e diálogos carregados de ironia, trocadilhos e sadismo, como “É melhor você não dormir e dirigir…” no quinto filme para uma vítima que bate uma moto, e “Que tal isso de sonho molhado?” para uma vítima sugada para uma cama d’água no quarto filme.

Também gosta de cantar uma canção para suas vítimas:

One, two, Freddy is coming for you.
Three, four, better lock your door.
Five, six, grab your crucifix.
Seven, eight, gonna stay up late.
Nine, ten, never sleep again.
Um, dois, Freddy vem te pegar,
Três, quatro, feche bem o quarto.
Cinco, Seis, segure a sua cruz,
Sete, oito, fique acordado.
Nove, dez, não durma nenhuma vez”
 .

No quinto filme, uma jovem garota canta uma versão ligeiramente diferente da canção dando a entender o seu retorno:

Seven, eight, gonna stay up late.
Nine, ten, Freddy is back again.
Sete, oito, é melhor ficar acordado até tarde.
Nove, dez, Freddy voltou novamente.

Devido a um trato com seres sobrenaturais no momento que estava sendo queimado, Freddy Krueger é descrito como um “demônio do sonho” e tem grandes poderes sobrenaturais. Ele é incorpóreo e invisível para todas as pessoas que não estão sonhando; a única maneira de afetar Freddy fisicamente é agarra-lo nos sonhos e traze-lo ao mundo desperto.

Freddy anos 80Freddy tem o principal poder de criar pesadelos, com os quais pode ferir fisicamente e até matar suas vítimas nos sonhos. Dentro dos sonhos ele tem uma gama de poderes que vão de atributos físicos super-humanos, imortalidade, fator de cura acelerado, teletransporte, transforma objetos do sonho de suas vítimas, ele é capaz de tornar a si mesmo e/ou qualquer parte do seu corpo em qualquer coisa que ele queira, e a habilidade mais conhecida, ele é capaz de afetar suas vítimas em seus sonhos e, ” como uma espécie. As  vítimas que tenham sido mortas no sonho tem suas almas absorvidas para dentro de Freddy, com seus rostos se retorcendo no tórax desfigurado do vilão.

Vários poderes, um humor super negro, mortes sinistras, e muitos sustos. Assim foram os filmes “A hora do pesadelo”, que marcaram as telas das TVs e cinemas dos anos 80. Para mim até o terceiro filme foram excelentes. Espero que tenham gostado, grande abraço. E rezem antes de dormir….1,2 o Freddy….!

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Libertino disse:

    Homenagem ao clássico do terror…confira!

    https://www.youtube.com/watch?v=HvElylYKUE0

    Acesse a descrição do vídeo e conheça a Banda Libertino.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.