Scroll Top

Assine GRÁTIS nossa Newsletter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Curiosidades

Clarice Lispector uma história

Com certeza é um dos post mais difíceis que já escrevi “Clarice Lispector uma história” surgiu da admiração que tenho pela autora. Tive meu primeiro contato com ela ainda na faculdade, confesso que achei intrigante a leitura. Tinha uma áurea melancólica nas palavras dela. No livro A hora da estrela a mulher tem sempre destaque, todas suas verdades e medos são expostos brilhantemente por ela.  Não tem como não se envolver com sua escrita.  O romance narra as desventuras de Macabéa, uma moça sonhadora e ingênua, recém-chegada do Nordeste ao Rio de Janeiro… Valeu a pena a leitura.

Clarice Lispector, a história de uma mulher

1977, morre Clarice Lispector Clarice Lispector, não era brasileira,  nasceu em Tchetchelnik, Ucrânia, no dia 10 de dezembro de 1920, mas veio para o Brasil em março de 1922, sua infância foi  na cidade do Recife, mudando-se em 1937  para o Rio de Janeiro, onde se formou em Direito. Apesar disso sua vocação para a escrita falou mais auto, estreou na literatura ainda muito jovem com o romance “Perto do Coração Selvagem” (1943), que teve calorosa acolhida da crítica e recebeu o Prêmio Graça Aranha.

Sua história de vida é bem peculiar, em 1944, recém-casada com um diplomata, viajou para Nápoles, onde serviu num hospital durante os últimos meses da Segunda Guerra. Depois de uma longa estada na Suíça e Estados Unidos, voltou a morar no Rio de Janeiro.

Clarice Lispector começou a colaborar na imprensa em 1942 e, ao longo de toda a vida, nunca se desvinculou totalmente do jornalismo. Trabalhou na Agência Nacional e nos jornais A Noite e Diário da Noite. Foi colunista do Correio da Manhã e realizou diversas entrevistas para a revista Manchete. A autora foi cronista do Jornal do Brasil. Produzidos entre 1967 e 1973, esses textos estão reunidos no volume “A Descoberta do Mundo”.

No dia 9 de dezembro de 1977, um dia antes do seu 57° aniversário vitimada por uma súbita obstrução intestinal, de origem desconhecida que, depois, veio-se a saber, ter sido motivada por um adenocarcinoma de ovário irreversível.  O enterro aconteceu no Cemitério Comunal Israelita, no bairro do Caju, no dia 11. Vai ao ar, pela TV Cultura, no dia 28/12, a entrevista gravada em fevereiro desse ano.

Mesmo depois de sua morte várias  obras póstumas foram publicadas. Para os amantes da boa literatura fica a dica, conheçam Clarice Lispector. Já leu livros dela? Qual gostou mais? Para que  gosta de literatura separei uma relação de alguns dos livros mais lidos nos anos 70 num outro post, espero que gostem também.

Sobre o autor | Website

Funcionário publico, historiador e blogueiro por paixão. Nascido nos anos 70 curti toda minha adolescência nos anos 80 e 90. Agora gosto de relembrar os bons momentos e fatos que marcaram época.

Gostou do Conteúdo?

Assine GRÁTIS nossa Newslleter e fique atualizado. Não esqueça de confirmar sua inscrição quando solicitado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

    Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
    entre em contato com o suporte.